Cerimónia de apresentação dos Programas Operacionais do Portugal 2020

Portugal está «entre os primeiros países a arrancar com os programas operacionais, o que nos vai permitir lançar nos próximos dias um primeiro concurso para empresas», afirmou o Ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional, Miguel Poiares Maduro na cerimónia de apresentação dos Programas Operacionais do Portugal 2020, que teve lugar no passado dia 19 de dezembro, na Fundação Champalimaud, em Lisboa.

/imgs/noticias/Noticias 2014/Madr-lancamento-PO.gifA iniciativa, organizada pela Agência para o Desenvolvimento e Coesão, encerrou a semana em que a Comissão Europeia aprovou todos os Programas Operacionais portugueses e que trouxe a Portugal a Comissária Europeia para a Política Regional, Corina Cretu.

O Portugal 2020 conta com um total de 21,5 mil milhões de euros (26 mil milhões, contando com as verbas destinadas à Agricultura e às Pescas) e será concretizado através de quatro Programas Operacionais Temáticos - Competitividade e Internacionalização, Inclusão Social e Emprego, Capital Humano e Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos - e cinco Programas Regionais no Continente, mais dois para as Regiões Autónomas.


Foram ainda apresentados os gestores dos novos Programas Operacionais Temáticos e Regionais e entregues os prémios REGIOSTARS a projetos do Quadro de Referência Estratégico Nacional.

A cerimónia encerrou com a atuação da Orquestra Municipal Geração da Amadora, um projeto cofinanciado por fundos europeus, constituída por jovens músicos oriundos de zonas menos favorecidas, com o objetivo principal de combater o absentismo e o abandono escolar e proporcionar apoio social a estes jovens

 
 
 
 
Logo acessibilidade